segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Birras...quando acabam?

Já comentei em outro post, que educar também é questão de paciência!
E haja paciência!
Quer saber o que acaba comigo!? Essa tal de birra, pirraça! Putz!

E Maria Clara tá numa fase que vou te contar! Ela é super carinhosa, obediente (a maioria das vezes), mas quando cisma com uma coisa....vou te contar....essas coisas deve puxar de pai né?! :)

Antes ela só se jogava no chão. Agora ela joga o que está na mão no chão e se joga logo depois. Mas, ela é esperta. Ela fica de mão dada com a gente até o chão e depois que deita... :) Eu deixo ela chorando lá no chão...e dou as costas...lógico que tentando ver o que ela tá fazendo, mas tentando ao mesmo tempo mostrar que não tô nem aí!
O pior é quando ela resolve fazer isso na casa das pessoas, ou nos eventos que vamos! Ai que raiva!

Gente, quando isso passa?!?!?!?!?!

Bjs.

4 comentários:

Dedeia disse...

Menina, nem me fale! Ai que raiva que dá isso!
E o pior que isso era tudo que recriminava nas outras crianças (antes de ser mãe, claro!)
E é justamente na rua ou com amigos num evento que ele resolve fazer isso. Agora ele ta na fase de não se jogar no chão mais, mas taca tudo que ta na mão no chão tambem (zune longe) e fica sapateando e chorando... mó escandalo!
Aff!!!
eu tambem nao vejo a hora dessa fase termina, pq Só JESUS!! kkkkk
Eu ignoro ele também quando começa com isso, mas nem sempre dá certo porque ele continua com a birra!
Bem, espero que essa fase passe logo mesmo!
Deixa a gente de cabelo em pé!

Vick disse...

Nossa o que será que acontece né?! O Lucca agora começou a me dar tapa na cara (ele tem 9 meses), daí eu brigo e ele faz um biquinho e começa a chorar...As vezes eu falo: "Vou chamar a Super Nane" rsrsrs. Ai ai, tem que rir pra não chorar.

Jú Ferrer disse...

menina, minha mãe fala que minha irmã fazia a mesma coisa. Mas acho que no caso dela passou com o tempo, ou com umas palmadas, mas isso mamis não divulga, claro. Hahahaha
Beijocas

Vanessa disse...

A Camille está na mesma situação. Se não faz o que ela quer, ela se joga para trás no colo esperneia e começa e chorar. Eu falo sério com ela e ai ela fica prestando atenção e as vezes para. Nem quero ver quando estiver falando e entendendo tudo.