sexta-feira, 11 de junho de 2010

INDIGNAÇÃO, INDIGNOS DA NAÇÃO!!!

Bom dia meninas!
E já que estamos voltando com força total, hoje me deparei com esta matéria no jornal o globo que muito me indignou.
Um tamanduá-bandeira, espécie em extinção, foi amarrado ao para-choque de um carro e arrastado por vários metros no interior de SP.
Tudo bem, até entendo que estamos, cada vez mais, invadindo o espaço deles e que muitas vezes isso faz com que eles saiam das matas e entrem na cidade e acabe acontecendo algum tipo de acidente. Em alguns lugares, como na Serra indo pra Terê, temos aquelas placas de animais que podem atravessar a pista, mas amarrar um bicho inofensivo no para-choque do carro e arrastá-lo por metros, o que é isso????
Lá em casa temos sempre a preocupação de ensinar que os bichos, até mesmos os pequenos insetos, são parte da natureza e se estão dentro de nossa casa e não o queremos ali devemos então devolvê-lo para a natureza, colocá-lo na árvore ou na plantinha.
Pelo amor de Deus, que tipo de educação teve essa criatura!!!
Que tipo de educação essa criatura pode dar se for um pai ou uma mãe???
Estou muito indignada!!!
Porque não pegar o bichinho e devolvê-lo a algum bosque???
Onde vai parar a maldade do ser humano?
Como mãe me preocupa saber que nossos filhos estão expostos a convivência com essas criaturas. E cada vez mais me preocupo em dar exemplos bons dentro de casa pra quando ela se deparar com esse tipo de sujeira saiba se colocar e fazer o que e certo.
Bjs

2 comentários:

Déia. disse...

Oi Gabi,
É uma história muito triste mesmo essa.
Acho que nós somos responsáveis um pouco para a mudança deste mundo atraves da educação de nossos filhos.
eu também sempre ensino ao Matheus a defender e respeitar os animais, ate mesmo os insetos como você mesma disse. E tenho uma grande possibilidade de ensiná-lo quando viajamos pra nossa casa em Friburgo onde tem contato com muitos insetos e animais.
O mundo está muito mau.
Beijos

Viviane Tassi Brabos disse...

Concordo com vc Gabi, que é triste ver alguém tratando um animal dessa maneira. Mas com tantas pessoas passando necessidade, crianças morando nas ruas, sem alguém que ajude, sem sapatos ou um agasalho, e com tantos brasileiros não se importando, vc acha mesmo que esses seres que se dizem humanos e racionais, não fariam mal à um animal.
É muito triste mas é muito comum, mais do que imaginamos. Eu procuro ensinar meu menino que os animais são do bem, que não fazem mal e que devemos respeitá-los.
Espero sinceramente que ele entenda isso e saiba respeitar não só os animais mas humanos tbém.

bjão